Qual foi o estopim da primeira guerra mundial?

Qual foi o estopim da primeira guerra mundial?
Qual foi o estopim da primeira guerra mundial?

O estopim da Primeira Guerra Mundial foi um atentado. Conhecida como “A Grande Guerra”, por ser um conflito aéreo, terrestre e marítimo que tomou a vida de mais de oito milhões de militares, mais de seis milhões e meio de civis. 

Foram quase 60% de morte dos intervenientes na guerra. Entre 1914 a 1918, em apenas quatro anos a Primeira Guerra Mundial modificou a face de conflitos bélicos, ela tornou-se uma das guerras mais mortífera da história mundial.

O estopim da primeira guerra

Um atentado em Sarajevo, tornase o estopim da Primeira Guerra Mundial, em 28 de junho de 1914. Esse assassinato de imediato não provocou alarde entre europeus, a maioria usufruia de suas férias de verão, ninguém imaginava que esse atentado iria desencadear alianças vigentes, dando início à Grande Guerra, na Europa da Belle Époque.

O estopim da primeira guerra
O que é estopim. Fonte/Reprodução: original.

Tensões militares e crise política não se limitaram aos Balçãs. O mundo inteiro mais todo o continente se envolveram de alguma forma nos conflitos. Nosso país, a entrada na guerra aconteceu em 1917, logo após submarinos do Império Alemão terem feito navios brasileiros de alvo.

Responsáveis pelo assassinato estopim da primeira guerra

O arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do império autro-húngaro, acabou sendo assassinato junto de sua esposa, Sofia duquesa de Hohenberg. Um jovem nascionalista sérvio chamado Gavrilo Princip, participante de um grupo separatista Mão Negra. Ele foi influenciado pela organização secreta, tinha apenas 19 anos, era estudante e tuberculoso, ele se dispôs a sacrificar a própria vida pela causa, tomando uma decisão mortal por um idealismo cego.

A Mão Negra

Chamada de Mão negra, significa Unificação ou Morte, organização nacionalista sérvia que optou por terrorismo para uma maneira de atividades políticas, com conexões de elementos pan-eslavistas do Governo da Sérvia.

Uma organização secreta inciada no Reino da Sérvia no ano de 1910 pelos ex-membros da sociedade semissecreta Narodna Odbrana, totalmente dedicada a realização do nacionalismo e pan-eslavismo, através de assasinatos, por intenção de unificar todos os territórios de população eslavas do Sul inclusas pela Áustria-Hungria. 

Declararam um objetivo de reunificação de um Estado único para todos do povo sérvio, deveria ocorrer confrontos com a Áustria-Hungria porque ela dominava a Herzegovia e Bósnia, que de acordo com a documentação e organização, esse território deveria ser integrado ao novo Estado.

Como se originou a Primeira Guerra Mundial?

Houveram diversas razões para a origem da Primeira Guerra Mundial, suas raízes fixavam em uma complexa rede de alianças interligadas em potências europeias. A “Tríplice Entente” e a “Tríplice Aliança”, eram o âmago da desconfiança a militarização informal.

Os mais poderosos, governavam impérios coloniais que almejavam proteger e expandir. Com o passar do século XIX, deixaram mais sólido o seu poder, e forjaram alianças com outras potências européias para se proteger.

As tensões entre as Tríplices aumentaram com o assassinato do arquiduque no ano de 1914, com um lado culpando o outro, e outros apoiando seu lado de “interesse”, as coisas começaram a complicar, em um mês a declaração de guerra foi anunciada e o conflito começou, um continente inteiro estava em guerra em pouquissímo tempo.

GOSTOU?! COMPARTILHE AGORA!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Wanderson Queiróz

Wanderson Queiróz

3 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias populares

Leia também